Felsberg Advogados
Home | Fundos de Pensão
Publicações

Fundos de Pensão

Punição ao Postalis

 

A Previc, autarquia fiscalizadora dos fundos de pensão, decidiu multar em R$ 40,3 mil e inabilitar por dois anos o ex-presidente e o ex-diretor financeiro do Postalis, o fundo de pensão dos funcionários dos Correios, Alexej Predtechensky e Adilson Florêncio da Costa, respectivamente. A pena de inabilitação significa que eles não poderão atuar como dirigentes ou gestores de nenhum fundo de pensão pelo prazo definido. As penalidades foram impostas por eles terem aplicado os recursos dos planos de previdência em desacordo com as normas do setor. Em decisão publicada no Diário Oficial da União (DOU) ontem, a Previc também cita conflitos de interesses na contratação de prestadores de serviços. Desde julho, esses mesmos ex-dirigentes do Postalis já receberam pelo menos outras três punições da Previc, todas por aplicarem recursos fora das normas do setor. Atuais gestores do fundo também foram multados e inabilitados em algumas dessas decisões, mas continuam em suas funções, recorrendo das decisões da autarquia.

 

Fonte: Valor Econômico de 6.9.2013.

Topo Voltar