Fundações diversificam e compram ações no exterior - Felsberg Advogados