Felsberg Advogados
Home | OGX declara comercialidade de acumulação na Bacia do Parnaíba
Publicações

OGX declara comercialidade de acumulação na Bacia do Parnaíba

Acumulação de Bom Jesus será chamada de Campo de Gavião Branco

Redação NNpetro – Quarta-feira, 23 Janeiro, 2013 – 12:10

A OGX, empresa de óleo e gás do Grupo EBX, do empresário Eike Batista, anunciou nesta quarta-feira (23) que apresentou à ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) a declaração de comercialidade da acumulação de Bom Jesus, descoberta nos blocos PN-T-67 e PN-T-68, na Bacia do Parnaíba.

“Esta declaração de comercialidade é resultado de uma bem sucedida campanha exploratória na Bacia do Parnaíba e demonstra que continuamos avançando na região em busca de novas áreas e na execução de nossos projetos”, comentou Luiz Carneiro, diretor presidente da OGX.

A declaração de comercialidade de acumulação de Bom Jesus será batizada de Campo de Gavião Branco. Segundo a OGX, o plano de desenvolvimento do campo será submetido em breve à ANP. A empresa estima  um “volume total in situ entre 0,2 e 0,5 Tcf de gás para este campo”.

A OGX detém 70% de participação nos referidos blocos, enquanto a Petra Energia S.A. detém os 30% restantes.

Topo Voltar