Felsberg Advogados
Home | Felsberg Advogados recebe onze menções no ranking The Legal 500
Publicações

Felsberg Advogados recebe onze menções no ranking The Legal 500

Ranking cita o nosso sócio-fundador Thomas Felsberg como referência em sua área de atuação, além do trabalho com Paulo Fernando Campana Filho e Pedro Henrique Torres Bianchi. Duas áreas de atividade, Projects and Infrastructure e Aviation, chegaram ao nível 2 em recomendações.

O escritório foi citado em onze categorias da edição 2016 do ranking The Legal 500, com destaque para a área de Bankruptcy and Restructuring, que aparece no nível 1 (tier 1) da lista. Com quase 30 anos de existência, a Legal 500 analisa e classifica escritórios de advocacia em todo o mundo em diversas áreas de atuação, baseada no feedback de 250 mil clientes jurídicos.

Para a publicação, que já havia posicionado o escritório nove vezes em 2015, Felsberg Advogados “tornou-se líder para casos de reestruturação de devedores, ao mesmo tempo que seu trabalho com credores continua a crescer. O fundador Thomas Benes Felsberg é ‘uma referência em sua área de atuação’, com ‘décadas de experiência’. Entre os muitos recentes destaques da equipe está o trabalho para a Tonon Bioenergia, em reorganização supervisionada pelo Judiciário para a reestruturação de R$ 750 milhões, com Felsberg trabalhando ao lado de Paulo Fernando Campana Filho e Pedro Henrique Torres Bianchi”.

Projects and Infrastructure foi classificado como tier 2 pela publicação, resultado da expansão ocorrida com a chegada de Daniel Engel e Fábio Luiz Peduto Sertori ao escritório. A publicação também enumera a assessoria da sócia-sênior Maria da Graça Pedretti na obtenção de créditos na ordem de R$ 1 bilhão para a American Airlines junto ao BNDES, (Banking and Finance, tier 5) e o time internacional da banca, que inclui o German Desk liderado por Christian Moritz, e o French Desk, de Anneliese Moritz. Outro destaque foi a colocação tier 2 para Aviation, setor para o qual o trabalho da banca foi considerado “preciso e perspicaz”, liderado João Paulo Servera, que chegou ao escritório em maio de 2015.

As atividades de Corporate/M&A (tier 5), lideradas pela especialista em Direito Societário Evy Cynthia Marques, foram citadas em trabalhos como a representação da BR Capital Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários em complexos procedimentos administrativos, bem como a aquisição da destilaria Agroecológica Marumbi pela Novo Fogo. Nesse último trabalho, foi recomendada juntamente com João Carlos Anderson Corrêa de Mendonça. Além disso, o trabalho de Evy junto à área de TMT foi reconhecido como tier 3 em atuações para casos de transferência de tecnologia, acordos de licenciamento de softwares e em trabalhos para setores como esporte e entretenimento, como direito de imagens de atletas.

Também foi comentado o sólido trabalho no campo dos Resíduos Sólidos (Environment, tier 4) da banca, assim como licenciamento de projetos, contaminação e questões de biodiversidade, capitaneados pelo sócio especialista em Direito Ambiental Fabricio Dorado Soler (assessorando entidades com ABIHPEC e Eletros), citando sua “dedicação e cuidado”, junto do trabalho de Luiz Carlos de Castro Vasconcellos, como especialista em questões criminais do Direito Ambiental.

No campo do Direito Imobiliário (Real Estate), a banca foi reconhecida por seu amplo conhecimento em atividades como leasing, fundos de investimento imobiliário, títulos garantidos por hipoteca, entre outros, com clientes como investidores, empreiteiras, shopping centers e companhias hoteleiras e de hospitalidade, sob a liderança de Fernanda Costa do Amaral (tier 3). A equipe de Thiago Rufalco Medaglia, especialista em Direito Tributário (Tax, tier 5) foi citada por sua competência junto a clientes de longa data do escritório.

Também recebeu menção a atuação liderada por Sérgio Silva do Amaral em questões como acordos de livre comércio e investigações antidumping, com clientes como a Associação Brasileira do Plástico (ABIPLAST), Emirates Float Glass, e o Hubei Xingfa Chemical Group (International trade and customs, tier 3). Recentemente nomeado pelo Ministro das Relações Exteriores, José Serra, Sérgio Amaral está agora à frente da Embaixada do Brasil em Washington, DC.

Topo Voltar