Felsberg Advogados
Home | Custo de construir sobe menos
Publicações

Custo de construir sobe menos

O Globo, 14/out

Índice de setembro variou 0,21% contra o 0,79% de agosto

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo IBGE, em parceria com a Caixa Econômica Federal, registrou desaceleração em setembro, ficando em 0,25%, contra 0,79% do mês anterior. Em setembro de 2011, a variação foi de 0,19%. Nos últimos 12 meses, o indicador acumulou alta de 5,55% ante 5,49% registrados em igual período do ano anterior. Já no acumulado do ano, a alta foi de 4,64%, resultado considerado abaixo do mesmo período de 2011, de 4,74%. De acordo com o presidente do Sinduscon-RJ, Roberto Kauffman, a expectativa é de que a variação no ano de 2012 não ultrapasse os 7%.

O custo nacional de construção por metro quadrado foi calculado em R$ 847,18. Em agosto, foi de R$ 845,10. O grupo mão de obra apresentou variação de 0,35%, recuando 0,91 ponto percentual na comparação com o mês anterior (1,26%). Já os materiais registraram uma diferença de 0,23 ponto percentual, passando de 0,38%, em agosto, para 0,15%, em setembro. No ano, a mão de obra subiu 9,33%, e os materiais tiveram alta de 0,82%. Em doze meses foram: 10,66% e 1,41%, respectivamente.

Nordeste teve maior alta

A maior variação regional ocorreu no Nordeste, que registrou aumento de 0,42%. Em seguida, vêm as regiões Sul (0,38%), Centro-Oeste (0,27%), Sudeste (0,12%) e o Norte do país (0,05%). Já os valores do custo por metro quadrado são R$ 852,88 (Norte); R$ 794,31 (Nordeste); R$ 880,67 (Sudeste); R$ 863,77 (Sul) e R$ 861,15 (Centro-Oeste).

Topo Voltar