Felsberg Advogados
Home | Celulares de DDD 11 terão nono dígito a partir do dia 29 de julho
Publicações

Celulares de DDD 11 terão nono dígito a partir do dia 29 de julho

Marianna Aragão
DE SÃO PAULO

A partir do próximo domingo, 34 milhões de usuários de celulares com DDD 11 de 64 municípios de São Paulo terão um nono dígito acrescido a seus números de telefone.

Esse grupo inclui a cidade de São Paulo e os municípios da região metropolitana.

A inclusão do dígito nove à frente dos atuais números é uma medida da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para ampliar as possibilidades de numeração nesses municípios.

Segundo a agência, a quantidade de usuários de serviço móvel ativos na região está próxima do limite de combinações possíveis atualmente, de 44 milhões. Com mais um dígito, serão 90 milhões de possibilidades.

A mudança atinge clientes de todas as operadoras, com exceção da Nextel.

Haverá um período de transição para que os usuários se adaptem.

A troca dos números na agenda telefônica, porém, é de responsabilidade do usuário. Para donos de smartphones, já existem aplicativos que prometem fazer a mudança automaticamente.

Para Eduardo Tude, consultor da Teleco, a implantação do dígito é um processo complexo para as empresas.

A mudança exige adaptações nos sistemas que identificam e encaminham as chamadas dentro dos servidores das operadoras.

“É algo comparável à preparação para o início da portabilidade, em 2009”, diz Tude.

Os investimentos das empresas no processo devem superar R$ 300 milhões.

Topo Voltar