Felsberg Advogados
Home | Caixa capta R$ 405 mi para setor de imóveis
Publicações

Caixa capta R$ 405 mi para setor de imóveis

Valor Econômico, Edna Simão, 26/out

A Caixa Econômica Federal captou R$ 405 milhões com a emissão de cotas de um Fundo de Investimento Imobiliário. Essa é a primeira carteira lançada pela Caixa com o objetivo de adquirir imóveis para posterior locação pelo próprio banco. A previsão inicial era captar R$ 300 milhões, mas por conta da alta demanda, foram oferecidas cotas adicionais e lotes suplementar ao mercado. A rentabilidade mínima prometida ao investidor é de 7% ao ano com as receitas de aluguel.

Com os recursos, segundo o vice-presidente de logística e retaguarda da Caixa, Paulo Roberto dos Santos, a Caixa pretende abrir mais de 50 novas agências nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

A oferta pública das cotas do fundo terminou ontem, mas o vice-presidente disse que existe a possibilidade de uma nova tranche ser colocada à disposição dos investidores. O prazo total da operação foi de apenas 12 dias úteis. A maior parte dos recursos foi captada junto aos correntistas da instituição. Também subscreveram as cotas investidores institucionais como entidades fechadas de Previdência Complementar e Regimes Próprios de Previdência Social.

O patrimônio líquido do fundo será de R$ 150 milhões. Para cobrir 40% desse valor, a instituição financeira vai vender 26 imóveis. Esse recurso será utilizado para remunerar o investidor nesse momento inicial. Assim que os terrenos forem adquiridos e as agências bancárias construídas, o aluguel que será pago pela Caixa passará a remunerar os cotistas.

O vice-presidente informou que essa estratégia adotada pelo banco deve viabilizar a abertura de mais duas mil agências até 2015, sendo que 500 no próximo ano. Atualmente, a Caixa conta com três mil agências espalhadas por todo o país. Até 2015, o objetivo é atingir a marca de 4,7 mil agências.

Segundo o vice-presidente, a instituição financeira tem investido em abertura de agências porque, ao contrário de seus concorrentes, não pode crescer por meio de fusões e aquisições. “Este ano estamos abrindo mais de uma agência por dia”, frisou Santos. “Precisamos ser mais ousados”, complementou.

O fundo deve estar disponível para negociação no mercado secundário a partir de novembro. A oferta teve a Rio Bravo Investimentos como coordenador contratado e instituição administradora, e a Jones Lang LaSalle como consultor imobiliário.

Topo Voltar