Felsberg Advogados
Home | BR Malls está otimista com novas oportunidades de fusões e aquisições
Publicações

BR Malls está otimista com novas oportunidades de fusões e aquisições

Brasil Econômico, 08/mar

Em 2012, a administradora de shopping centers investiu R$ 635,1 milhões

A administradora de shopping centers BR Malls está otimista com as oportunidades de negócios que podem surgir nos próximos anos. É que diante do ritmo crescente de novos projetos, Carlos Medeiros presidente da companhia, vê boas chances para continuar fazendo aquisições e fusões.

“A gente acha que o mercado continua ativo em termos de vontade de vender. Tem muitos shoppings sendo construídos e inaugurados, e alguns deles podem ter mais dificuldade, por isso temos chances de aumentar essa atividade. Mas essa é uma visão mais de médio e longo prazos”, disse o presidente.

Dados da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) mostram que nesse ano serão inaugurados 47 novos empreendimentos, enquanto para 2014 são previstos mais 23. Para 2016, as estimativas da Associação Brasileira de Lojistas de Shoppings indicam que 157 novos shoppings devem entrar em operação. (veja a arte)

De acordo com Medeiros, em 2012, a BR Malls investiu R$ 635,1 milhão na compra de participações acionárias e novos projetos, sendo que só no quarto trimestre o investimento alcançou R$ 270,1 milhões. “Vamos buscar nos beneficiar dos ganhos de escala do nosso portfólio objetivando um crescimento cada vez mais eficiente”, afirmou a companhia sem revelar os investimentos previstos para este ano.

Para 2013, a empresa informou que vai inaugurar um projeto novo, além de três expansões. “A gente não ta vendo pra frente uma desaceleração. Temos expansões para esse ano e estamos comercializando três projetos para o ano seguinte, além de expansões. Também já começamos a olhar projetos para 2015. A gente acha que o ritmo de comercialização deve aumentar”, destaca o executivo.

Mesmo otimista com as oportunidades futuras, Medeiros se mantém cauteloso quanto ao destino da expansão do Shopping São Luís, no Maranhão. O empreendimento, segundo o executivo, tem data para inauguração no segundo trimestre de 2014. “O atraso envolve o ponto de vista comercial. Estamos estudando qual o melhor projeto de expansão do shopping, que talvez inclua uma torre comercial. Por isso estamos atrasados, para saber que caminho vamos seguir”, explicou.

Trimestre

No quarto trimestre a BR Malls registrou lucro líquido de R$ 1,066 bilhão, sob impacto de R$ 1,78 bilhão referente à reavaliação de suas propriedades para investimentos. Desconsiderando esse e outros efeitos no caixa, o lucro foi de R$ 112,4 milhões no período, alta de 24,1% sobre os R$ 90,6 milhões de reais um ano antes.

Durante o trimestre, a BR Malls aumentou sua participação nos shoppings Amazonas em 16,2% e Maceió em 20%, inaugurou os projetos Londrina Norte e São Bernardo e anunciou a aquisição de 100% do shopping Capim Dourado, em Tocantins.

“O forte resultado confirma a boa gestão da empresa, que mantém um forte crescimento e margens acima da média do setor”, destacou Ricardo Correa, diretor da Ativa Corretora. A BR Malls encerrou 2012 com 51 ativos, que foram responsáveis por mais de 15% das vendas em shopping no Brasil.

Iguatemi

De acordo com as expectativas da equipe de análise da UmInvestimento, o Iguatemi deve apresentar no quarto trimestre um lucro líquido de R$ 47,4 milhões, alta de 1,28% ante o mesmo período do ano anterior.

Já a receita líquida deve atingir R$ 114 milhões, enquanto o Ebitda no período pode somar R$ 84,5 milhões.

Topo Voltar