Felsberg Advogados
Home | Aeroporto de Brasília inicia ampliação para a Copa; o de Natal será antecipado
Publicações

Aeroporto de Brasília inicia ampliação para a Copa; o de Natal será antecipado

Fonte: Folha de São Paulo

A obra de ampliação do Aeroporto Internacional de Brasília recebeu a licença ambiental nesta quinta-feira (11), sendo o último dos três aeroportos concedidos a obter o licenciamento e iniciar seus projetos previstos para a Copa de 2014.

Além de Brasília, o governo concedeu à iniciativa privada os aeroportos de Campinas e Guarulhos, ambos em São Paulo.

De acordo com o diretor da Inframerica, empresa que vai gerir a unidade, José Antunes Sobrinho, a previsão de investimentos é de R$ 750 milhões na primeira fase do projeto.

Os dois terminais existentes serão reformados e um novo será construído, o que aumentará o número de pontes de acesso a aviões do aeroporto de 13 para 28.

A previsão é que a capacidade do aeroporto passe de 15 milhões de passageiros ao ano para 41 milhões com a ampliação.

 Passageiros no aeroporto de Brasília

Segundo Sobrinho, mesmo com o curto prazo de 20 meses até o evento, as obras serão concluídas no prazo, sobretudo devido às pesadas multas previstas no contrato com o governo em caso de descumprimento das obrigações.

“Temos um planejamento para isso. Vamos trabalhar em três turnos e não vamos deixar de executar. Ninguém quer levar multa”, afirmou.

O diretor da companhia, que é uma sociedade entre a argentina Corporacion América e a brasileira Engevix, se disse otimista quanto às possibilidades de crescimento do aeroporto.

Após o leilão, o mercado apontou que o valor oferecido como outorga pela companhia, de R$ 4,5 bilhões pela concessão por 25 anos, foi elevado.

Segundo ele, estudos feitos após a companhia vencer o leilão apontam para a possibilidade do terminal da capital federal transformar-se numa aeropólis, ou seja, em um centro com vários negócios, como centros comerciais, prédios de escritório e de entretenimento.

“É uma possibilidade que não prevíamos nos nossos estudos e que agora está se mostrando viável”, disse Sobrinho.

SÃO GONÇALO DO AMARANTE

A concessionária Inframérica promete inaugurar o aeroporto de São Gonçalo do Amarante, em Natal, em abril de 2014. O grupo está investindo R$ 405 milhões no novo aeroporto.

Pelas regras do contrato, a obra deveria ser entregue até o fim de 2014, mas a concessionária promete antecipar o cronograma para aproveitar o fluxo de passageiros da Copa do Mundo. Natal é uma das 12 cidades-sede do evento.

“Para nós, é vantajoso aproveitar este movimento”, disse José Antônio Sobrinho, presidente da Infravix, que detém 50% de participação na concessionária –os outros 50% são detidos pela Argentina Corporación América.

Diferentemente dos três aeroportos concedidos –Guarulhos, Viracopos e Brasília– o de São Gonçalo do Amarante não tem nenhuma participação acionária da Infraero.

Quando ele entrar em operação, o aeroporto Augusto Severo será desativado.

Topo Voltar